© 2023 por Amante de Livros. Orgulhosamente criado com Wix.com

  • White Facebook Icon
  • White Twitter Icon
  • Branco Ícone Google+
  • Barbosa

Operação Overlord - RESENHA


Fonte: https://movieweb.com/overlord-movie-2018-poster/

Então galera, hoje é Dia da Consciência Negra e feriado aqui no Rio. Apesar do calor que fez no fim de semana, hoje o dia foi bem chuvoso, assim aproveitei para ir ao cinema. Acabei de assistir à Operação Overlord e vou compartilhar o que achei do filme.


Na véspera do Dia D, 06 de Junho de 1944, uma tropa de paraquedistas norte-americanos é enviada para uma pequena cidade francesa com o objetivo de destruir uma torre na qual os nazis instalaram um transmissor de rádio. Se a tropa não conseguir cumprir essa missão a frota a caminho da Normandia não poderá ter apoio aéreo. O produtor do filme é o J. J. Abram, aquele da nova trilogia Star Wars e Cloverfield, além de séries como Lost e Westworld.


O tema da segunda guerra já foi retratado diversas vezes no cinema, mas aqui esse momento histórico serve apenas como pano de fundo para um enredo que mistura ficção cientifica e terror gore. Acontece que abaixo da edificação da torre existe um laboratório nazista secreto onde são realizadas experiencias com a população local (vivos e mortos). O objetivo dessas experiencias é criar um exército à altura do Reich de Mil Anos de Hitler.


Na primeira metade do filme vemos um clássico de guerra com tiroteios, explosões, perdas, tensão, etc. A partir daí o medo do desconhecido e do sobrenatural guiam a trama. Algumas cenas são bastante inquietantes e podem afetar o público mais sensível. Em alguns momentos o filme acaba apelando para o jump scare mas dentro de um contexto que o justifica.


Achei o filme divertido e bastante impactante em alguns momentos, como pontos negativos ele é meio previsível às vezes e acaba se deixando levar por clichês. Dou uma nota 7,5.


Abraços.

14 visualizações1 comentário